Tecnologia do Blogger.

30/04/2016

Promoção: Dia das Mães Bookstart

Olá, leitores da Academia! Hoje tem promoção especial no blog! Nossa parceira Bookstart preparou uma promoção especial para os leitores que acompanham nosso blog. Vamos ver o que?




Nesse dia das mães a Bookstart preparou um presente especial para você que é mãe, para você dar para sua esposa que é ou será mamãe em breve ou para você presentear a sua mãe. Os apoios com valor acima de R$40,00 levam um kit exclusivo com 6 cards e um Creme para mãos Mary Kay. A promoção é válida, somente do dia 01/05 até o dia 08/05 ou enquanto durarem os estoques.



[Regulamento - Colaboradores]


  • Promoção válida enquanto durarem nossos estoques, para apoios realizados entre os dias 27/04 e 08/05 de 2016.   
  • Recompensa extra exclusiva, para compras acima de R$ 40,00
  • Caso a campanha não seja viabilizada, o colaborador deverá escolher outra campanha para direcionar o investimento.
  • Promoção válida exclusivamente para apoios via financiamento coletivo



[Regulamento Promoção Dia das Mães - Apoiadores]

  • Os autores que cadastrarem suas campanhas entre os dias 27/04 e 08/05 de 2016 receberão uma cota extra de 25 exemplares -  exclusivamente após a viabilização da campanha.

Quer saber como apoiar as campanhas que estão em andamento? Basta clicar no link.


Leia Mais ►

29/04/2016

Cine Academia #02: Mogli - O Menino Lobo

Olá, leitores da Academia! Hoje é dia de Cine Academia! Vamos falar de um filme lindo que estreou a poucas semanas no Brasil. Uma adaptação maravilhosa do clássico "Mogli - O Menino Lobo". Vamos conferir?



Filme: Mogli - O Menino Lobo
Direção: Jon Favreau
Duração: 
Lançamento: 14 de abril de 2016 
Classificação: Livre
Sinopse: Dirigido por Jon Favreau, baseado nas eternas histórias de Rudyard Kipling e inspirado no clássico longa de animação da Disney, Mogli - O Menino Lobo chega uma aventura épica inédita sobre Mogli, um menino criado por uma família de lobos. Mas Mogli sente que não é mais bem-vindo na floresta quando o temido tigre Shere Khan, que carrega cicatrizes causadas por caçadores, promete eliminar o que ele considera uma ameaça. Forçado a abandonar o único lar que conhece, Mogli embarca em uma cativante jornada de autoconhecimento, guiado pela pantera e mentora Baguera e pelo alegre urso Baloo. Pelo caminho, Mogli encontra criaturas da selva que não são exatamente bondosas, incluindo Kaa, uma cobra cuja voz sedutora e olhar penetrante hipnotizam o menino-lobo, e Rei Loiue, o nobre de fala mansa que tenta convencer Mogli a contar o segredo da ilusória flor vermelha mortal: o fogo.


História do filme
            Mogli (Mowgli no original) é um personagem do conto “O Livro da Selva”, do autor Rudyard Kipling. Na história, Mogli é uma criança selvagem que teria sido criado e alimentado por uma alcetéia de lobos. Quem já assistiu ao clássico da Disney (chamado de The Jungle Book nos Estados Unidos) lançado em 1967 deve saber que a história do garoto criado por lobos se passa na Índia. Mogli é um menino que aparentemente foi abandonado na selva e encontrado por uma pantera negra de nome Baguera. Este entrega o pequeno aos cuidados de uma alcateia de lobos, que o adota como membro legitimo. Porém Mogli com o passar do tempo sente que não pertence àquele local e é constantemente reprendido por seus parentes por usar seus “truques” (por conseguir usar ferramentas que ele mesmo constrói). Tudo piora quando a estiagem assola seu lar e a figura do perigoso e mortal Shere Khan aparece prometendo eliminar o garoto por considerá-lo uma ameaça ao mundo dos animais. Por conta da ameaça, Mogli decide por conta própria abandonar o único lar que conhece e partir em uma aventura cheia de perigos e descobertas.


Pontos Altos
              Acredito que o que me chamou atenção no filme logo de cara foi a computação gráfica. Visualmente falando o filme está maravilhoso. Não só a selva por onde Mogli caminha, que é belíssima, mas principalmente, os animais. Que são tão realistas que da para se perguntar se foram usados animais de verdade, pelos menos até eles abrirem a boca para falar. Ai é quando você percebe o trabalho magnífico feito no longa. Os animais foram fieis a seus originais, com exceção, acredito eu, do Rei Loiue, que se transformou em um símio gigante estilo King Kong e claro, a ambientação mais madura e realista deles.
             O ator que interpretou Mogli também mandou muito bem. Sendo uma criança, é bem natural que ele tenha curiosidade quando se depara com algo novo, que pergunte sobre tudo e constantemente desafie as ordens dos adultos. O realismo também está presente em Mogli que frequentemente aparece machucado, cheio de hematomas e cortes pelo corpo, embora em alguns momentos os ferimentos "sumam" em um claro erro de continuidade, mas são apenas pequenos detalhes frente a grandiosidade do filme.
Reparem nos cortes que Mogli exibe pelo corpo

             Outra coisa que gostei, mas creio que alguns pais por ai podem não ter gostado tanto assim: os animais estão muito mais perigosos que na versão da Disney e o humor meio pastelão da animação da lugar a uma linguagem um pouco mais pesada e cenas que remetem a violência. Algumas delas, inclusive, podem provocar alguns sustos (em dois momentos minha namorada pulou da cadeira). O vilão Shere Khan e a cobra Kaa, por exemplo, estão muito mais ameaçadores e assustadores, sendo os responsáveis pelos sustos na plateia. Sou meio suspeito para falar de animais perigosos, eu gosto da maioria deles… (coisa para outro post).
Quem pulou da cadeira nessa cena levanta a mão ai.
            Eu assisti a versão dublada. E elas estavam muito boas, não tenho do que reclamar, mas já me disseram que a dublagem original esta fabulosa. Também, com um time de estrelas como esse: Bill Murray (o urso Baloo) e Ben Kingsley (Bagheera) a Idris Elba (Shere Khan) e Christopher Walken (Rei Louie), fica difícil não querer ir no cinema de novo para ver com a dublagem original.

Pontos Fracos
         Não tenho quase nada o que reclamar desse filme. Apenas queria salientar a ausência dos abutres. Eu me recordo deles na animação (faz muitos anos que eu vi) e lembro do humor comico do quarteto que encontra Mogli e se refere a ele como “Monte de ossos esquisitos”.      


Conclusão
            Mogli é certamente um filme espetacular que trouxe a nostalgia do clássico da Disney para o público moderno. Como grande parte das animações da Disney, é um filme que deve ser visto por toda a família. Sai do cinema satisfeito com a animação e empolgado com as notícias que circulam pela internet de que outros filmes clássicos podem ganhar os mesmos tons de Mogli e que o próximo cotado possivelmente será “O Rei Leão”. Já até imagino como vai ser o Scar em versão CG.
             Vamos esperar para ver.

Leia Mais ►

27/04/2016

Evento: 32ª Feira do Livro de Brasília

Olá, queridos leitores da Academia! Estão prontos para fortes emoções? Hoje vamos divulgar um evento muito especial para todos vocês. Para todos que acreditam no potencial de Brasília para grandes eventos, trazemos para vocês a maravilhosa notícia de que a  32ª Feira do Livro de Brasília vai acontecer! Hoje, daqui a pouquinho será dado a largada para o evento. E já temos notícias quentinhas para vocês do que já está encaminhado para o evento. Confiram abaixo:


O evento

Nesta-quarta-feira (27/04), às 10h, será lançada a 32ª Feira do Livro de Brasília,  no auditório da Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação. Prédio Acadêmico ( Asa Sul. SGAS 907- antiga Escola Normal em frente ao Instituto Cervantes), a 32a. Feira do Livro de Brasília que será realizada conjuntamente pelo Sindicato dos Escritores do DF e  Câmara do Livro do DF e Secretaria de Estado de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude DF. O evento também conta com o apoio da Secretaria de Educação e da OAB-DF.

O tema desta edição do evento será "Meu mestre, meu livro˜, e tratará da simbiose necessária entre os professores e a leitura, numa perspectiva da ambiguidade entre  o mestre/professor, o mestre/livro, e a leitura como processo de decodificação das experiências da vida.  

A 32ª Feira do Livro de Brasília é a segunda mais antiga do país (a primeira é a de Porto Alegre) promete muitas novidades como várias atividades focadas no "protagonismo dos professores e diretores de escola nos processos de leitura. Desta vez, teremos muitos mestres lançando livros, se atualizando e discutindo formas criativas de trabalhar o livro em sala de aula˜, explica o presidente da Câmara do Livro de Brasília, Ivan Valério.

"Deixaremos um legado para a cidade, com oficinas para pais e crianças, melhorando e ampliando os processos de mediação de leitura. Também teremos autores visitando escolas, encontros nacionais de escritores e de blogueiros literários e, ainda, alas temáticas: Ala da Fé (com editores, livreiros e autores de diversas crenças como católicos, evangélicos, espíritas, entre outros;  Ala Gastronômica; Ala da Música; Ala da Saúde, Ala da Economia e Ala Infantil', adianta o presidente do Sindicato dos Escritores do DF, Marcos Linhares.

Homenageados

O professor e escritor português José Pacheco (criador da famosa Escola da Ponte) será o homenageado internacional. Já a professora e escritora Esther Grossi será a homenageada nacional. O escritor e presidente do Instituto Histórico Geográfico do DF, Affonso Heliodoro dos Santos, será o homenageado local. O editor será Victor Alegria (Thesaurus) e a livreira será Iris Borges (Arco-Iris livraria). 

Países lusófonos

A partir de 2016, um país será homenageado. Neste ano,  será homenageada a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) devido ao aniversário de 20 anos de criação da entidade. 

Curadora Geral

A professora e escritora matogrossense Raquel Naveira será a curadora geral da Feira. Formada em Direito e Letras pela FUCMT, atual Universidade Católica Dom Bosco, onde exerceu o magistério (Literatura Portuguesa e Literatura Latina), pertencendo ao Departamento de Letras. Mestre em Comunicação e Letras pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, de São Paulo. Doutoranda em Literatura Portuguesa na USP.Pertence à Academia Sul-Mato-Grossense de Letras e ao PEN CLUBE DO BRASIL. Escreveu vários livros, entre eles: ABADIA (poemas, editora Imago,1996) e CASA DE TECLA (poemas, editora Escrituras, 1999), indicados ao Prêmio Jabuti de Poesia, pela Câmara Brasileira do Livro. Escreveu ainda o infanto-juvenil, PELE DE JAMBO e o livro de ensaios, FIANDEIRA.Recentemente lançou o CD Fiandeiras do Pantanal, onde declama seus poemas, acompanhada pela voz e a craviola da cantora Tetê Espíndola. A obra de Raquel Naveira tem enorme fortuna crítica, sendo reconhecida e apreciada por escritores e críticos como Fábio Lucas, Lygia Fagundes Telles, Nelly Novaes Coelho, Antônio Houaiss, Lêdo Ivo e outros.

Autores confirmados na programação

Até agora estão confirmados Carlos Nejar, Antônio Carlos Secchin (ambos da Academia Brasileira de Letras), Frederico Barbosa, Joaquim Maria Botelho,Vicente Vilardaga, Felipe Fortuna, Marina Oliveira, Sinelia Peixoto, Arisson Tavares, Lair França, Cinthia Kriemler, Anna Rubi, Cristiane Sobral, Nena Medeiros, Jéssica Paula, Alessandro Mendonça, Flávio Vieira,  Onã Silva, Verónica Saiki, Daniel Barros, Elaine Elesbão, entre outros. 


Vamos dar um pause rapidinho nessa parte. Não só vamos estar no evento, como somos PARTE dele. Isso mesmo, a Academia foi convida a fazer parte da curadoria de dois encontros super bacanas que vão acontecer na Feira. O 1° Encontro Nacional de Escritores Jovens do Brasil e o 1° Encontro Nacional de Blogueiros Literários! Estamos nessa em parceria com a autora Marina de Oliveira. Juntos vamos trazer autores e blogueiras para trocarmos ideias e discutimos o atual cenário literário do país! Uma honra e tanto não acham? Você é blogueiro? Então fica de olho que em breve vamos soltar mais informações ;)

Primeira de muitas reuniões!

I Encontro Nacional de Escritores Jovens do Brasil 

A Feira receberá nos dias 2 e 3 de julho, cerca de 40 escritores jovens de 8 a 30 anos para troca de experiências, autógrafos e oficinas. 


I Encontro Nacional de Blogueiros Literários

O evento também receberá blogueiros literários de todo o país nos dias 9 e 10 de julho. Eles trocarão experiências e discutirão os desafios de se fazer um bom blog literário.

Maratona de Poesia e Rapel

Haverá um espaço privilegiado para a literatura oral com maratona de poesia, espaço para Rap e cordel (que farão batalhas de rimas).

Mural das Recordações

À entrada todas as pessoas serão convidadas a deixarem uma mensagem para os mestres que marcaram suas vidas. O evento promoverá encontros com esses mestres e seus ex-alunos. 

Parte da curadoria do evento

E calma que ainda tem mais uma notícia: A organização da Feira convidou a Academia Literária DF para ser o blog literário OFICIAL do evento! Isso mesmo que vocês leram! Além de estarmos na coordenação de dois eventos super legais, ainda somos destaque na organização geral do evento. Ou seja, algumas novidades sobre o evento serão divulgadas com EXCLUSIVIDADE pela Academia! Vocês não têm noção do quanto estou feliz com essa oportunidade de apresentar meu querido blog para o Brasil inteiro!

Aguardem novidades ;)


Serviço:

Coletiva de Lançamento da 32ª Feira do Livro de Brasília 
Quando: Quarta-feira (27/04), às 10h, 
Onde: Auditório da Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais da Educação. Prédio Acadêmico ( Asa Sul. SGAS 907- antiga Escola Normal em frente ao Instituto Cervantes), 
Quem: Sindicato dos Escritores do DF e  Câmara do Livro do DF e Secretaria de Estado de Políticas para Crianças, Adolescentes e Juventude DF. 
Apoio: Secretaria de Educação e da OAB-DF




Leia Mais ►

26/04/2016

Evento: Encontro de fãs - Romance de Época

Olá, leitores da Academia! Hoje é dia de divulgação de evento! Quem aqui é fã de Romances de Época? 


O que é?

"Encontro de fãs de romances de época, com a mediação da Leninha, do blog Sempre Romântica."

Quando?

Dia 30 de Abril (Sábado), às 15h00

Onde? 

Livraria Cultura - Casa Park

Link do evento: aqui.


Mapa:



A Academia estará presente cobrindo o evento! Vamos nos encontrar lá? :)


Leia Mais ►

RESENHA - Nove regras a ignorar antes de se apaixonar (Sarah MacLean)

Ficha técnica:
Referência bibliográfica: MACLEAN, Sarah. Nove regras a ignorar antes de se apaixonar. 1ª edição. São Paulo, Arqueiro, 2016. 384 páginas.
Gênero: Romance de Época.
Temas: Aristocracia. Romance. Inglaterra no século XVIII.
Categoria: Literatura Estrangeira.
Ano de lançamento: 2016.
Série: Nove regras a ignorar antes de se apaixonar (livro 1); Dez formas de fazer um coração se derreter (livro 2); Onze leis a cumprir na hora de seduzir (livro 3).








“Nick tinha razão: Callie queria amor. Gabriel soubera disso desde o início – ela não escondia sua crença no poder da emoção, sua fé inabalável nisso. Ele parou de tocar, imaginando como seria acreditar tanto no poder do amor em fazer o bem. Em trazer felicidade.”
*Nova regras a ignorar antes de se apaixonar (pág. 219).



Lady Calpúrnia Harwell só queria ser amada. A jovem, com 28 anos, já é declarada como uma solteirona para a sociedade londrina de 1823. Sonhadora, Callie – como prefere ser chamada – não se casou porque nunca fora tirada para dançar ou flertara com alguém que lhe chamasse a atenção. O dote da família Allendale era a única coisa que tornava Callie atraente para todos.
                Depois de anos se portando como uma incrível dama da sociedade, lady Calpúrnia se cansa de fazer tudo para agradar os que estão em volta. Certa de que irá passar o resto da vida como uma solteira que fica nos cantos dos salões de baile, Callie decide, então, experimentar tudo que um dia quisera. A moça cria uma lista com nove coisas que mais quer fazer – se descoberta em meio à aventura, a reputação de Callie estará arruinada.
                Gabriel, o marquês Ralston, é um pervertido que não se importa nem um pouco com o que a sociedade pense dele. Ele foi o único homem que deu atenção à Callie, há muitos anos, em uma única noite. Desde então, lady Calpúrnia não se esqueceu de Gabriel, apenas o guardou na sua mente como algo que nunca poderá ter; até que os ventos mudam e os dois voltam a se reencontrar. Em uma guerra de desejos, aventura e prazeres, Lady Calpúrnia e o marquês de Ralston se deparam com um sentimento arrebatador que mudará a vida de ambos.
“Nove regras a ignorar antes de se apaixonar” é um romance que precisa ser lido por todos. Antes de tudo, gostaria de explicar o nome extravagante da protagonista. A mãe de lady Calpúrnia a batizou assim em homenagem à terceira mulher de Júlio César, o famoso líder político romano. O nome incomum é explicado na obra como fruto do caráter singular da condessa Allendele, mãe de Callie.
Lady Calpúrnia é, na verdade, uma mulher que havia se perdido. A recatada e passiva Callie era o retrato do que todos esperavam que ela fosse – e o que, de fato, a jovem se tornou por comodidade e conveniência. Até que então (para a alegria dos leitores) Lady Calpúrnia se rebela e decide experimentar tudo o que moças não deveriam fazer. Callie então cria uma lista com nove itens escandalosos: Beijar alguém, apaixonadamente; Fumar charuto e beber uísque; Montar com as pernas abertas; Esgrimir; Assistir a um duelo; Disparar uma pistola; Jogar (em um clube para cavalheiros); Dançar todas as danças de um baile e ser considerar linda, pelo menos uma vez.

Os nove itens listados por Calpúrnia


A lista é a melhor coisa que Callie poderia fazer para recuperar a autoestima. As cenas em que esta cumpre os itens – nem sempre de forma como pensara em princípio – são hilárias. Coincidentemente, Gabriel sempre estava presente, antes mesmo de fazer parte efetiva das aventuras de Lady Calpúrnia. Acredito que a autora pecou neste ponto, pois as intervenções do marquês são forçadas e a protagonista poderia viver algumas aventuras por si só. No entanto, tenho que admitir que o reaparecimento de Gabriel contribui para que as cenas se tornassem cômicas ao invés de trágicas, algo que certamente aconteceria caso Callie fosse pega.
Em princípio, Anne, a fiel criada de Callie, é quem a ajuda a cumprir os desejos da jovem. Sarah MacLean não poderia ter produzido uma personagem mais simpática, perspicaz e a perfeita imagem da ternura. Mesmo diante de fatos horríveis, Callie se mantém intacta e se preocupa mais com os outros do que consigo.
O relacionamento entre o marquês de Ralston e Lady Calpúrnia não é diferente de outros apresentados em romances de época, porém, não é totalmente um clichê. Gabriel é um homem muito machucado por guardar a mágoa da traição e do abandono da mãe e, desde o início, não promete amor à Callie. A moça, por sua vez, é leitora assídua de romances clássicos e acredita que, sem amor, não há nada que sustente uma vida a dois. A autora soube formá-los como um casal com maestria e bem próximo ao que vemos na vida real. Os dois, mais do que amantes, são parceiros, e é isso que destaca a obra.
Outros personagens são fundamentais para os desenrolar da trama. Juliana, a recém reconhecida meia-irmã de Gabriel e do irmão gêmeo Nicholas é a linha que liga Lady Calpúrnia ao marquês. A moça, filha da mãe dos gêmeos com um italiano, precisa ser apresentada a sociedade e Callie é a escolhida para “amadrinhar” Juliana. A italiana é encantadora e logo constrói sólida amizade com Callie e a irmã desta, Lady Mariana. Com uma beleza exuberante, diferentemente de Callie, Mariana chama a atenção de todos. O mais extraordinário é que a irmã mais velha não se importa nem um pouco com isso.
                A trama de “Nove regras a ignorar antes de se apaixonar” se passa em 374 páginas divididas em vinte e quatro capítulos e um epílogo. A obra é narrada em terceira pessoa por um narrador onisciente e, algumas vezes, há intervenções dos pensamentos de personagens, destacados em texto em itálico. O foco narrativo se restringe à evolução do romance de Lady Calpúrnia com o marquês de Ralston. O enredo inicia com o primeiro encontro dos dois, em 1813, e logo se passam dez anos; a partir daí, o livro não possui mais analepses e segue com a relação temporal linear. O título de Sarah MacLean não possui características gráficas marcantes, o que é comum nos romances de época publicados pela editora Arqueiro.
Aos 37 anos, Sarah MacLean é colunista do jornal estadunidense The Washington Post. Ela é formada pela Smith College e pela Universidade de Harvard. Com romances traduzidos para 20 idiomas, a autora já venceu o prêmio RITA de romances de época.
“Nove regras a ignorar antes de se apaixonar” é um livro surpreendente. A fé inabalável de Callie pelo amor é uma lição para todos nós, desiludidos ao passar dos anos pelos acontecimentos marcantes da vida. Eu recomendo para todos, sejam amantes de romances ou não, o primeiro livro da série “Os números do amor” porque ele ultrapassa o limite de literatura por entretenimento – o livro é uma perfeita obra didática de como continuar acreditando nas pessoas, independente do que estas façam.



Bibliografia de SARAH MACLEAN (ordem cronológica):

Livros:
·         Entre a culpa e o desejo – Gutenberg (2015).
·         Entre o amor e a vingança – Gutenberg (2015).
·         Nunca julgue uma dama pela aparência – Gutenberg (2015)
·         Entre a ruína e a paixão – Gutenberg (2016).

·         Nove regras a ignorar antes de se apaixonar – Arqueiro (2016).
Leia Mais ►

25/04/2016

DIVULGAÇÃO - Meus livros favoritos

Olá, queridos leitores!!! 

Caramba, pela primeira vez em dois anos começo um texto para um blog sem dizer "Olá, variáveis!!!", isso é porque agora também faço parte de um novo, agora faço parte dessa família que é a Academia Literária DF, sinto como se diversas portas estivessem se abrindo.  Estou com uma felicidade tão grande, que acho que se um tornado passasse por mim isso não mudaria.

A propósito, meu nome é Sarah, sou uma das novas colunistas do blog, quem quiser saber um pouco mais sobre mim é só clicar no link.

Bem, mas vamos ao que interessa, se fosse ficar aqui falando sobre os meus sentimentos isso não acabaria nunca. Para que vocês possam me conhecer melhor eu decidi trazer dois dos meus livros favoritos. 

Confiram:

1- As 14 Pérolas da Índia


                                               

Autor: Llan Brenman
Ilustrador: Ionit Ziberman
Tema: Ética/ Pluralidade cultural/ Espiritualidade/ Folclore 


Este é um livro que eu consideraria "infantil" ele contem 14 contos sábios envolvendo a cultura indiana. Digo "infantil" pois tudo parece ser feito para uma criança, os desenho, a simplicidade na escrita, mas os ensinamentos, que convenhamos, são o principal, acabam sendo extremamente profundos, nos fazendo viajar, filosofar e então repensar em nossos atos. Por isso grito aos quatro ventos, leiam essa obra, não vai demorar nem trinta minutos, mas vai fazê-los evoluir uma vida inteira.

2-  Luna Clara e Apolo Onze 


                                               

Autora: Adriana Falcão 
Gênero: Romance

Ahhh... O que dizer sobre esse livro? Amo, li há uns anos para a escola, conheço muita gente que não gostou nem um pouquinho, mas acredito que tem algo errado com essas pessoas kkkk, brincadeira pessoal. Trata-se de um romance, porém vai muito além disso. Começando pelos nomes dos lugares e personagens, Desatino do norte, Desatino do sul, Aventura, Odisseia... A obra é uma verdadeira loucura, como para mim as melhores pessoas são as loucas, foi paixão na certa. Nele é contada a história de Luna Clara, Apolo onze e as suas devidas famílias, na enxurrada de personagens envolvidos, amores  foram separados por uma estrada, uma ponte e uma trama emocionante. Os personagens tem um carisma tão grande que eu poderia dizer com toda certeza que adoraria conhecê-los e criar laços de amizade. Este livro é para sonhadores, pessoas que realmente se deixam tirar os pés do chão e voar.


É claro que esses não são os meus únicos livros favoritos, na realidade sempre achei difícil demais escolher entre tantas obras maravilhosas, estes foram só uma provinha, para que entendam melhor como a minha caixola funciona.   

Aqui no blog estarei postando inicialmente nas colunas: Divulgação e Pela lente. 

Então é isso pessoal, até os próximos posts.

Beijão!!! ;) 


                                              






Leia Mais ►

24/04/2016

Novas Colunistas

Olá, queridos leitores da Academia! Tudo bem com vocês? Hoje é um dia especial para nós. É sempre bom ver/ler/ouvir quando os leitores elogiam nosso trabalho, nos dão sugestões e tecem críticas para melhorar ainda mais nosso trabalho. E melhor ainda quando alguns desses leitores acreditam tanto no nosso projeto que se voluntariam a se juntar a ele! Como é de conhecimento de quem nos acompanha, estamos em busca de novos colaboradores para o blog. Se você não sabe do que falamos, é só clicar aqui que te explico tudinho. 


E é com extrema felicidade que anunciamos duas novas colunistas no time do blog. Damos as boas vindas a Gabriella e a Sarah! Vamos conhecer um pouquinho sobre elas? 


Gabriella:


Nome: Gabriella Crivellente
Idade: 27
Hobbies: ler livros, assistir filmes, dançar ballet clássico, viajar...
Gêneros favoritos: Distopia, infanto juvenil, young adult, new adult, eróticos, góticos, históricos
Colunas no blog: Resenhas
Um pouco sobre: Sou formada em comunicação social, com habilitação em publicidade e propagada. Como uma boa geminiana, adoro um bom papo rodeado de histórias. Quem sou, onde estou e para aonde vou? Não sei, mas sei que estou no caminho certo. Vivo, sonho e respiro a literatura, seja ela nacional ou internacional. O que importa mesmo é viver.

 Recadinho para os leitores:


" Caros amigos leitores, 
É com grande prazer que inicio essa nova jornada aqui no blog. Gostaria de dizer que fiquei muito feliz em poder estar aqui pertinho de vocês. Tenho certeza que será muito legal compartilhar minhas opiniões de cada leitura. Como amo falar sobre livros e trocar ideias, então tenho certeza que seremos ótimos amigos!! Seus comentários e sugestões serão sempre bem-vindos. Agora, peço licença, pois preciso terminar o meu livro. Então, até o próximo post. ;)
Beijos, Gabi"


Sarah:


Nome: Sarah Mascarenhas
Idade: 15
Hobbies: Escrever, ler, fazer artesanatos, assistir filmes, viajar e quebrar a rotina.
Gêneros favoritos: Ficção, romances e dramas.
Colunas no blog: Divulgação, Pela lente
Um pouco sobre: Desde pequena fala pelos cotovelos, mas em contra partida sempre teve os ouvidos bem atentos a boas histórias e ideias. Sonhadora nata e com uma sede de viver que mal cabe em si. Descobriu sua paixão pela escrita e pela fotografia ao criar um blog que sobrevive já a alguns anos. Se surpreende às vezes ao ver que quando pequena nunca poderia imaginar que um dia o seu maior objetivo fosse virar uma jornalista de sucesso. Ama observar a beleza simples e sincera da natureza. Metódica e uma eterna variável. Ainda está na escola, mas nos seus sonhos já tem a sua própria revista. ;)

Recadinho para os leitores:


"Olá pessoal! É um prazer para mim estar fazendo parte dessa equipe incrível. Escrever é a minha paixão e será ótimo poder dividir isso com vocês. :) Espero que gostem de novidades,  pois trarei várias ideias e posts novos para a Academia. Quando me dedico a algo isso passa a ser parte importante na minha vida, portanto, agora vocês têm lugar garantido no meu coração."



O que acharam da novidade, leitores? Esperem muitas coisas boas vindas dessas duas! ;)


Top Comentarista n°8: Clique para participar

Leia Mais ►

22/04/2016

Lançamentos Draco - As Novidades do Dragão

Olá, queridos Leitores!

Hoje venho com ótimas novidades! Sim, os novos lançamentos da Editora Draco.
Quem aqui estava ansioso para saber quais seriam os livros? Além dos livros, a novidade é que os lançamentos serão em trimestre, então já verifique o livro e separe o bolso.

Vamos conhecer os próximos que ocuparam a sua estante!

O Teatro da Ira, Diego Guerra

Basta uma faca para começar uma guerra

Autor: Diego Guerra ISBN: 978-85-8243-107-8  E-ISBN: 978-85-8243-106-1 Gênero: Fantasia épica Formato: 14 cm x 21 cm Páginas: 360 Preço de capa: R$ 55,90 (papel) R$ 24,90 (e-book) Sinopse: Jhomm Krulgar é um ninguém. Um rato de estrada. Um cachorro vadio. Um mastim demoníaco. Sua espada está a venda para qualquer um com moedas no bolso e objetivos escusos. Quando uma garota surge prometendo a riqueza de um rei e a realização dos seus desejos de vingança, ele nem imagina que está prestes a se envolver em um dos mais perigosos jogos políticos de sua era. Agora, ele e Khirk, seu companheiro silencioso, membro de uma antiga raça escrava, partem para o Sul, onde tentarão impedir os rebeldes separatistas de tomar a coroa da maior cidade do Império de Karis. Encontrarão em seu caminho um Magistrado em missão de paz e um mago ilusionista prestes a realizar o maior espetáculo da sua vida. O Teatro da Ira, primeiro romance da série Chamas do Império, de Diego Guerra, é uma viagem fantástica onde criaturas místicas e soldados comuns lutam lado a lado nas paredes de escudo, implorando pela própria vida e alimentando as fogueiras da morte para fazer valer as vontades de reis e nobres. Enquanto Krulgar busca cegamente a sua vingança, não faz ideia de que se tornou apenas mais um dos personagens sombrios deste Teatro da Ira.

 Saiba mais sobre a obra: O Teatro da Ira
Adicione ao Skoob


Crônicas de Atlântida – o olho de Agarta, Antonio Luiz M. C. Costa

Explore as lendárias civilizações nesse marco da literatura fantástica brasileira.

Autor: Antonio Luiz M. C. Costa ISBN: 978-85-8243-076-7 E-ISBN: 978-85-8243-077-4 Gênero: Literatura fantástica Formato: 14cm x 21cm Páginas: 408 Preço de capa: R$59,90 (papel) R$ 24,90 (e-book)  Sinopse: Agarta é um império orgulhoso onde só os mais fortes se destacam. Quando ocorre um encontro casual entre Vasu, guerreiro agartiano, e Tlalpan, uma aventureira atlante, isso pode trazer consequências que mudarão o destino de vastos impérios. Uma geração após os acontecimentos de Crônicas de Atlântida – o tabuleiro dos deuses, ambiciosos comandantes militares de Agarta, a petulante valquíria Madhavi, a humilde serva Bakri, a orgulhosa capitã acaia Lúsia e o retorno de figuras conhecidas da saga atam os nós dessa trama épica e amorosa na qual culturas e panteões rivais se enfrentam por ideais divergentes de poder e justiça. Crônicas de Atlântida – o olho de Agarta é o segundo romance de Antonio Luiz M. C. Costa, editor e colunista na revista CartaCapital. À reconstituição da lendária Atlântida somam-se a da utópica República de Platão e a de Agartha ou Shambhala, fantasiada por ocultistas do século XIX como um misto da Asgard nórdica e a Ayodhya hindu. O resultado é um cenário imaginativo e original, no qual grandeza e mesquinharia residem lado a lado .
Saiba mais sobre a obra:  Crônicas de Atlântida
Adicione ao Skoob


LANÇAMENTOS CONTOS DO DRAGÃO

A Editora Draco possui o maior acervo de contos single publicados em formato digital do Brasil. Além de publicar histórias avulsas, nós também disponibilizamos os contos de nossas antologias nesse formato, para os leitores que desejam saborear as histórias individualmente ou acompanhar os contos de seus autores favoritos. Nesse primeiro trimestre de 2016, a editora investiu na publicação desses e-books, trazendo os e-books single de várias antologias de sucesso.

Conheça os Contos do Dragão, uma fantástica seleção de histórias publicadas em formato ebook, para que você possa ler no conforto do seu e-reader ou tablet preferido.



Futebol – histórias fantásticas de glória, paixão e vitórias

Uma seleção de histórias craques para torcedor nenhum botar defeito!

Sinopse: Não importa se os jogadores são artificiais, fantasmas, demônios ou simples mortais, no incrível mundo do futebol não há discriminação. Boleiros que vivem em nossa imaginação entram em campo para mostrar que futebol e literatura fantástica formam uma combinação de placa. Preço: R$ 2,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra): 

Pátria de chuteiras – Gerson Lodi-Ribeiro 
2010 – O ano em que faremos contrato – Fábio Fernandes 
Sob o signo de Xoth – Carlos Orsi 
Boost – Vinícius Lisboa 
O último grande craque – Marcel Breton 
Jogo puro – Diego Matioli 
O último gol de Tião Canhoto – Fabio Baptista 
O rei do futebol – Sid Castro 
O último jogo – Rodrigo van Kampen 
Nos gramados em cinzas da Arena do Abismo – Marco Rigobelli




Monstros Gigantes – Kaiju

Ele é um carrasco, uma punição do universo pela arrogância humana. Ele é um kaiju

Sinopse: Você pode senti-lo se aproximando. A cada passada, um terremoto. A cada sombra lançada, pânico e terror. Seu urro estilhaça vidraças e mentes. Seus golpes não deixarão pedra sobre pedra. Será a cidade devastada por sua passagem mais uma vez? Das mais antigas eras até o futuro incerto, esses terríveis colossos assolam a Humanidade, nós que para eles não somos mais que insetos, parasitas a serem devorados ou esmagados. Depois de sua chegada, sobreviver se tornará a nossa única razão de existir. Enfrente a avassaladora presença ou vivencie a angústia de pessoas marcadas pela vinda desses invencíveis nêmeses. E se houver o dia seguinte à sua marcha apocalíptica, o mundo com certeza não será mais o mesmo. Preço: R$ 2,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra): 

Darvarangá – Daniel Folador Rossi 

Os Grandes Antigos estão de volta – Davi M. Gonzales 

Teijuaçu contra Kaiju – Sid Castro 

E eu me torno Morte – Daniel Russell Ribas 
Memórias de Lisboa – Pedro Afonso 
O monstro que habita o âmago – Cheile Silva 
O melhor amigo – Barbara Soares 
Sob o etna – Danilo Duarte 
Spaycy – Edgard Refinetti 
Coração Kaiju – Adriano Andrade 
O som do metrô – Leandro Fonseca 
Depois que eles partiram – Gilson Luis da Cunha 
O Último Caçador Branco – Luiz Felipe Vasques 
Rotina – Vitor Takayanagi de Oliveira 
O último café – Bruno M. Alves 
Fita 00371-D – Gabriel Guimarães 
Monsuta-shi – Claudia Dugim 

Erótica Fantástica

Sexo, prazer e fantasias entre humanos e não-humanos de todas as orientações sexuais, sem qualquer tipo de preconceito


Sinopse: Se você é humano, já pensou em sexo. Prazer, fantasias, intimidade — palavras que sempre aparecem ligadas ao ato sexual, ao erotismo. Mas se tudo o que move o imaginário erótico está ligado a um instinto que serve primordialmente para a reprodução, por que personagens terráqueos sempre estenderam seu desejo a alienígenas, seres mágicos e criaturas artificiais de todas as espécies por toda a história da literatura fantástica? Como seria ter um selvagem lobisomem entre quatro paredes, ou mesmo uma terrível e sedutora vampira? Seriam os androides eficientes também na arte do amor? Preço: R$ 3,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra): 


Aniversário - Jorge Candeias 

Tempos dionisíacos - Ricardo França 
Submissão - Karin Kreismann Carteri 
Baphomet - Adécio Chaves 
Mentiras, Alexandre Louzada 
A Mãe de Mitsvan - Rynaldo Papoy 
Lyanna - Marco Rigobelli 
A grande conspiração - Claudio Parreira 
Cohiba - Ana Cristina Luz 
Bad moon rising, Lily Carroll 
Anormal - Ana C. Nunes 
Negócios são negócios - Georgette Silen 


Samurais x Ninjas

Lute com honra. Em guarda. Comece o duelo!


Sinopse: SOs samurais são a tradição, a busca pela perfeição e o caminho da honra. Os ninjas são a astúcia, donos dos segredos e mistérios das sombras. Em mundos orientais verdadeiros e imaginários, os seus embates sempre serão lendários. Cada um de um lado, a batalha vai começar.
É chegada a hora, as cerejeiras derramam as suas pétalas sobre um campo iluminado pelo rubro pôr do sol. Saque a sua lâmina e prepare-se para a vitória! Preço: R$ 2,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra):

Dô-maru – Eduardo Massami Kasse
15 minutos que calaram o mundo – Mickael Menegheti
A busca pela imortalidade – Ágatha Yukari
A lenda perdida do primeiro outono – Cristiano Konno
A Sombra na Cerejeira – Alexandre Heredia
As Lanternas de Amaterasu – Cíntia Lopes
Canção do Corvo – Aya Imaeda
Cedo – Jessica Borges
Filha da Neve e os sete ninjas – Ana Lúcia Merege
Gaijin – Roberta Grassi
Inexpressivo – Bruno Magno Alves
Morte e Honra – Felipe Alves
O Fantasma Zonguanês – André S. Silva
O samurai sem lâmina – Samuel Cardeal
TK2K – Carol Peace Medeiros
Três testes – L. E. Peret
Uma história para cada lenda – J. M. Beraldo
Ninjas não têm honra – Erick Santos Cardoso
Hizashi – Nuno Almeida
Mercenária Lenk – Priscila Barone
O Filho de Kobyo – Rodrigo van Kampen
O lago do corvo – Márcia Souza




Excalibur – histórias de reis, magos e távolas redondas

Uma homenagem à fantasia medieval e aos heróis que nunca morrem


Sinopse: Todos já ouvimos falar do Rei Artur. Desde as crônicas medievais até a literatura contemporânea, passando por meios como o cinema, teatro, quadrinhos e games, muito foi contado sobre ele, seus cavaleiros e o mago Merlin, reinventando o universo mágico cujo centro é a corte do reino de Camelot. Batalhas, encantamentos, amores, intrigas e traições – tudo isso e muito mais se revela a cada página de Excalibur, uma homenagem à fantasia medieval e aos heróis que nunca morrem. Preço: R$ 2,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra):

A Memória da espada – Roberto de Sousa Causo
O espelho – Liège Báccaro Toledo
Momento decisivo – Luiz Felipe Vasques e Daniel Bezerra
Cavaleiro anônimo – André S. Silva
Mau conselho – Pedro Viana
A solução final – A. Z. Cordenonsi
A fada – Marcelo Abreu
O fio da espada – Melissa de Sá
As mãos vermelhas de Isolda – Octavio Aragão
A dama da floresta – Ana Lúcia Merege
O rei às margens do rio – Cirilo S. Lemos


Excalibur – histórias de reis, magos e távolas redondas

Uma homenagem à fantasia medieval e aos heróis que nunca morrem


Sinopse: Mais rápidos do que uma bala, mais poderosos que uma locomotiva, capazes de saltar por cima de arranha-céus. Do alto das nuvens ou à espreita nas sombras, enfrentando invasões cósmicas ou derrubando quadrilhas de traficantes, heróis com poderes incríveis chegaram para ajudar. Para o alto e avante! Preço: R$ 2,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra):

Edição de colecionador – Romeu Martins
Novo herói na cidade – Alex Ricardo Parolin
Ascensão e cancelamento do mais infame supergrupo de heróis da Terra – Pedro Vieira
Roda-Viva – Gustavo Vicola
O dia de todas as provas – João Rogaciano
Herói das urnas – Roberta Spindler
O doutor e o monstro – Gerson Lodi-Ribeiro
A última aventura do Pardal Mecânico – Dennis Vinicius
O grande Golias – Luiz Felipe Vasques
Pela terceira idade – Inês Montenegro
Sete horas – Gian Danton
Barlavento 1807 – Vitor Vitali
Verdade sobre Raio Vermelho – uma biografia – Lucas Rocha
Jaya e o enigma de Pala – Antonio Luiz M. C. Costa


Excalibur – histórias de reis, magos e távolas redondas

Uma homenagem à fantasia medieval e aos heróis que nunca morrem


Sinopse: Poderosas naves atravessam o hiperespaço e desbravam fronteiras galácticas. Seres exóticos, robôs, pós-humanos e suas aventuras e peripécias. Frágeis e indefesas princesas planetárias em apuros e as destemidas e habilidosas heroínas que não fogem à luta. Inteligências artificiais fora do controle e heróis do espaço em sua batalha constante contra as forças do mal que ameaçam a paz galáctica. A luta pela sobrevivência da humanidade e os insondáveis mistérios do universo. Descubra por que a Space Opera se tornou sinônimo de ficção científica no mundo todo.  Preço: R$ 5,99

Contos disponíveis em e-book (clique no título para saber mais sobre cada obra):

Convite do Imperador – Roberta Spindler
Na Crista da Onda – Luis Filipe Silva
Nosso Estranho Amor – Antonio Luiz M. C. Costa
Uma Princesa de Stroff-Bingen – Júlia Durand & Rui Leite
Os Argonautas – Sid Castro
Ecos de Maztah – Carol Chiovatto
O Cortiço e as Estrelas – Pedro Vieira
As Filhas de Cassiopeia: A Cruzada pela Liga Interestelar – Hugo Vera
Nenhuma Babilônia nos dará ordens! – Cirilo S. Lemos

CHAMADA PARA OS ESCRITORES!
A Editora Draco está com submissões abertas para contos na coletânea 
"Boy's Love: Super Amantes". 
Participem!!!


Continue acompanhando a Editora Draco no Site.




Algum livro ou conto chamou atenção de vocês?



Top Comentarista n°7: Clique para participar

Leia Mais ►