Tecnologia do Blogger.

17/03/2017

Conheça o livro de contos "Sussurros da boca do monte"


Imagine-se andando pelo seu bairro. Aquele mesmo que você anda todos os dias para ir a escola, faculdade ou serviço. Em meio a caminhada você para. Olha atentamente para alguma construção ou monumento e reconhece aquele local como o cenário de alguma história fantástica. A história se confunde com a imaginação e os mais tenazes podem enxergar traços de que ali algo surpreendente aconteceu. Imagine então que você conheceu a história oculta de um monumento que em um primeiro momento parecia normal. Algo que ficou de fora dos registros históricos. Olharia para ele da mesma forma? Procuraria descobrir mais? Entender mais? Talvez outros pontos de sua cidade estejam também envoltos em mistério e cabe a você procurar por respostas. Daria uma baita história, não acha?  




Essa é a proposta de Sussurros da Boca do Monte, uma coletânea de contos criada com o intuito de fortalecer e divulgar a cultura e pontos turísticos da cidade de Santa Maria, município do estado do Rio Grande do Sul.
Tive o prazer de conversar pelas redes sociais com a idealizadora da obra, a Jéssica Dalcin da Silva. Formado em design industrial com especialização em comunicação e projetos de mídia. Ela conta que ano passado concluiu um curso de mestrado focado em patrimônio cultural pela Universidade Federal de Santa Maria. Em uma das disciplinas o professor pediu que fosse feito um produto que estimulasse o turismo na cidade por meio do patrimônio. Eis que surgiu a ideia do livro, que segundo ela tomou proporções que ela nem imaginava.
Normalmente quando se pensa em produto, ainda mais no turismo, já pensamos logo em blusas, canecas, bonés, cordões e outros souvenirs que para quem bate o olho já sabe quase que automaticamente que você estava passeando em algum lugar turístico. Jéssica foi em outro sentido e pensou que é muito mais complicado tentar estimular o turismo em uma cidade em que a própria população não se sinta estimulada a conhecê-la melhor. “Realmente não vi outro caminho para apresentar um bom trabalho que não fosse por meio da educação patrimonial. Como tínhamos três semanas entre a última aula e a data da apresentação do trabalho, neste meio tempo contatei alguns autores, que indicaram outros, e assim a equipe foi sendo composta”, conta ela.

Os autores

O projeto conta com a participação de 12 autores e 11 obras (um dos contos foi escrito em parceria entre dois autores). Cada conto se passa em uma cenário real da própria cidade de Santa Maria, onde fantasia e realidade se misturam nas mãos habilidosas dos escritores. Entre os autores participantes destaco o trabalho de Andre Zanki Cordenonsi, autor de Le Chevalier e um dos co-autores de Guanabara Real - Alcova da morte, Enéias Tavares, criador do universo de Brasiliana Steampunk, autor da obra A Lição de Anatomia do Temível Dr. Louison e co-autor da obra Guanabara Real - Alcova da Morte e Nikelen Witter, autora de Territórios Invisíveis e co-autor da obra Guanabara Real - Alcova da Morte.

O autor Enéias Tavares é um dos participantes do projeto. Crédito: Catarse
Os leitores podem esperar boas histórias de suspense, terror e mistério. A proposta, segundo Jéssica, era usar lendas urbanas como gatilho para curiosidade do leitor em ir conhecer o local onde história se passa. "Temos zumbis na universidade, viagem no tempo na avenida principal, um espírito dos ventos, macumba na porta da Câmara de Vereadores, um portal dimensional na nossa estação ferroviária e assim por diante".

Como ajudar?


Sussurros da Boca do Monte está em processo de captação de recursos no Catarse. Qualquer pessoa pode ajudar o projeto a criar forma e ganhar o mundo. Existem, claro, recompensas interessantes para os apoiadores. Há valores fixos e cada valor pago pelo apoiador gera uma recompensa. Por exemplo, temos o "Montando Acampamento", que custa R$30,00 e da direito ao apoiador: O livro em PDF, Wallpaper mapa de Santa Maria, seu nome nos agradecimentos, e o livro impresso. os valores vão de R$15,00 a R$500,00 reais. Existem outras recompensas como canecas e outros livros de alguns dos autores participantes.
O interessante do projeto é que ele não busca lucro no sentido de colocar rios de dinheiro no bolso dos autores. Ele serve como um trabalho social em larga escala. As tiragens, definidas no site do Catarse estão distribuídas entre os apoiadores, autores, comércio e distribuição gratuita em escolas da cidade. O trabalho dos autores é voluntário, sendo seu pagamento uma quantidade de livros para presentear, comercializar ou distribuir como acharem mais adequado. A meta inicial é de R$15,000,00 reais, após passar essa meta vem as metas extras que podem chegar a R$30,000,00. Até o momento da publicação deste post, o projeto tinha 108 apoiadores e 55% da meta atingida. Qualquer pessoa pode apoiar até o dia 08/04/2017.

Um dos prêmios para quem contribuir com o projeto. Crédito: Catarse


O que acharam do projeto, leitores? Eu adoraria participar de algo assim aqui em Brasília. Já pensou que maneiro? Tenho até algumas ideias envolvendo surtos de zumbis, portais demoníacos, cultos do mal, investigações do sobrenatural e outras coisas bem interessantes. Quem estiver interessado, basta clicar AQUI e dar sua contribuição. E por falar em contribuição, já deixei o meu lá.
Deixo aqui um agradecimento especial ao meu amigo Enéias Tavares por ter me passado o contato da Jéssica e agradeço também a Jéssica Dalcin por parar um pouco os seus afazeres diários para conversar comigo. Projetos assim deveriam ser estimulados e apoiados por todos. Precisamos de mais iniciativas como essa para incentivar as pessoas não só a ler mais, mas também conhecer mais a fundo o local que vivem.


Até a próxima.

Top Comentarista n° 18: clique para participar


Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Luciano!
    Já tinha ouvido falar do Projeto Catarse e desejo que tenham sucesso, porque achei a forma bem inusitada de divulgar Santa Marai que parece ter se tornado uma cidade fantasma após o acidente na boate.
    Sucesso!
    “Não confunda jamais conhecimento com sabedoria. Um o ajuda a ganhar a vida; o outro a construir uma vida.” (Sandra Carey)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Oi Luciano.
    É a primeira vez que vejo falar do projeto, e achei interessante.
    Espero que eles consigam alcançar a meta estabelecida do projeto, muito sucesso a vocês.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Que interessante a premissa dessa coletânea.
    Primeira vez que vejo falarem desse Catarse e achei bem bacana esse projeto.
    Fico na torcida pra dar tudo certo e que esse projeto consiga viajar mundo a fora.
    Beijos,
    Caroline Garcia

    ResponderExcluir
  4. Oi Luciano,
    Que projeto incrível. Eu moro no RS e nosso estado tem muita história para contar através de suas edificações históricas, só que a população não se interessa por conhece-la e este livro é uma ótima ferramenta para atrair atenção das pessoas, principalmente os jovens e conscientizar da importância da preservação dos pontos turísticos. Espero poder ver mais projetos como este em todas as regiões do país!!

    ResponderExcluir

Deixe o seu comentário!